| 

Oficina de Grafite é destaque no terceiro dia da 14ª Semana de Museus na Unidade Divinópolis.

O terceiro dia da 14° Semana de Museus foi bastante animado e movimentado. Essa movimentação começou logo pela amanhã com a visita da Escola Estadual Vicente Mateus, de Divinópolis. Os alunos aprenderam a importância da preservação dos bens materiais e imateriais e no final a turma foi dividida em grupos e cada um desenhou o que considera ser um bem material na região em que mora. Essa foi a atividade desenvolvida na oficina de "Educação Patrimonial: Paisagens Urbanas e Meio Ambientes”.
Na visita às exposições, eles pareciam entusiasmados vendo as fotografias, os acervos dos jornais e ouvindo a história que há por trás de cada acervo e doador.
Na parte da tarde recebemos a Escola Estadual Sidney José de Oliveira e a Escola Estadual São Tomaz de Aquino, também de Divinópolis. Eles também fizeram a oficina de educação patrimonial e visitaram as exposições. Mas o auge do dia foi a oficina de grafite com o artista William Pinguim. Segundo ele, grafite é colocar uma coisa bonita em um ambiente feio. Disse, ainda, que começou a grafitar quando andava de skate e que a sua intenção era deixar a pista mais bonita e afirmou que seus desenhos são mais pictóricos, genéricos, sutis e muito coloridos. Pinguim está formando em jornalismo e é formado em mecânica industrial e técnico de fundição, o que influenciou muito nos traços dos desenhos dele. Perguntamos qual conselho ele daria aos fãs de grafite e ele nos respondeu com um sorriso: “joga tinta na parede!”.
A professora Michele S. da Escola Estadual São Tomaz de Aquino nos disse que acha essas intervenções importantes para a formação dos alunos e que eles estavam felizes, interagindo bem com todo mundo. De acordo com Michele, oficinas assim deveriam acontecer mais vezes, pois é bom sair da escola e mostrar outra realidade aos alunos. Pinguim explicou, então, como são feitos os traços dos desenhos, grafitou para os alunos verem e quando perguntou se eles queriam grafitar, todo mundo ouviu um “sim” num tom sonoro de felicidade. Vários alunos grafitaram, fizeram perguntas para ele e tiraram fotos.
À noite, aconteceu, no Auditório da Unidade, o lançamento do livro " Lendo o Museu da Inconfidência: História, Memória e Patrimônio", do autor Rafael Alves, que é do município de Cláudio. Rafael se graduou em História pela Universidade Federal de Ouro Preto e é mestre em História Social pela UFMG. Ao ser questionado sobre a sensação de ter uma obra publicada, ele nos disse que é muito bom ver o resultado do mestrado dele transformado em livro, que poderá ser lido por todos. Nos contou, ainda, que a intenção dele era de levantar o discurso histórico do museu da inconfidência mineira e comparar tal discurso com a historiografia contemporânea de Minas Gerais. Rafael agora pensa no projeto de doutorado e, baseado no resultado dele, pretende lançar outro livro. Durante o evento, ele contou para os participantes um pouco da sua paixão por museus, do que viveu em Ouro Preto e como foi o processo de produção da obra.
O CEMUD da UEMG Unidade Divinópolis agradece os apoios da Unimed, da TransOeste e da Fundação de Apoio e Desenvolvimento da Educação, Ciência e Tecnologia de Minas Gerais – FRAMINAS, que contribuíram imensamente para realização do evento aqui, na unidade.

Texto: Ariana Coimbra

Fotos: Ariana Coimbra e Bianca Faria


 Foto: Ariana Coimbra


 Foto: Ariana Coimbra

 Foto: Ariana Coimbra

 Foto: Ariana Coimbra

 Foto: Ariana Coimbra

 Fotos: Ariana Coimbra

Foto: Ariana Coimbra

 Foto: Ariana Coimbra

 Fotos: Ariana Coimbra

 Foto: Ariana Coimbra

 Foto: Ariana Coimbra

 Foto: Ariana Coimbra

 Foto: Ariana Coimbra

 Foto: Ariana Coimbra

 Foto: Ariana Coimbra


 Foto: Ariana Coimbra

 Foto: Ariana Coimbra


 Foto: Ariana Coimbra

 Foto: Ariana Coimbra

 Foto: Ariana Coimbra

Em Redes

Acompanhe todas as novidades do projeto em redes através da nossa página no Facebook. Basta curtir abaixo e receber todas nossas publicações.

Últimas fotos Cadastradas

  • Coleção: Fundo Batistina Maria de Sousa Corgozinho

    Gênero: Textual

  • Coleção: Fundo Batistina Maria de Sousa Corgozinho

    Gênero: Textual

  • Coleção: Fundo Batistina Maria de Sousa Corgozinho

    Gênero: Textual

Fotos Mais Acessadas